Auxílio Maternidade – Entenda como funciona e como acessá-lo

Existem diferentes tipos de sistemas de proteção previdenciária no Brasil e um deles é o Auxílio Maternidade, concedido às mães trabalhadoras e contribuintes do INSS que precisam se ausentar de suas atividades laborais pós-parto ou em casos de adoção.

Apesar de ser um programa que está ativo há muitos anos no país, muitos ainda desconhecem como o mesmo funciona e como se dá o processo de inscrição.

Portanto, neste post o Notícias Mundial irá revelar para você tudo que é preciso para acessar o auxílio maternidade sem grandes burocracias.

Auxílio Maternidade – Entendendo o que é e como funciona

Vamos entender primeiro o que é este programa previdenciário, antes mesmo de aprender a solicitá-lo. Basicamente, o Auxílio Maternidade é um meio encontrado pelo sistema previdenciário do Brasil para garantir a proteção das mulheres que precisam se afastar dos seus empregos pelas seguintes motivações:

Auxílio Maternidade
  • Nascimento do bebê.
  • Casos de fetos natimortos (essas instâncias é quando o bebê acaba morrendo dentro do útero da mãe, ou logo após o nascimento).
  • Casos de adoção e guarda judicial com objetivo de adotar.
  • Abortos espontâneos.

Através deste tipo de benefício previdenciário, as mulheres conseguem arcar tranquilamente com as despesas comuns com a chegada do bebê, tais como gastos com compras de remédios, consultas, fraldas, etc.

Além disso, o benefício é oportunidade para que as novas mamães possam se recuperar adequadamente após o parto, sem a necessidade de retorno imediato ao trabalho.

CONHEÇA O PROGRAMA NENHUMA CASA SEM BANHEIRO

Como solicitar o Auxílio Maternidade?

O processo para a solicitação do auxílio maternidade no Brasil irá variar conforme a situação da mulher contribuinte. Nos casos dos partos, o pedido funciona do seguinte modo:

  • Mulher funcionária de empresa X: Neste caso, a solicitação precisa ser realizada na própria empresa 28 dias antes do nascimento da criança. A mãe deve apresentar um atestado médico e pedir o benefício formalmente junto à equipe de recursos humanos. Nos casos em que a solicitação for feita no dia do nascimento do bebê, o documento que pode ser apresentado é a própria certidão de nascimento da criança.
  • Mulher que se encontre desempregada: neste caso, a solicitação precisa ser feita diretamente no INSS, em qualquer dia após a realização do parto. Os documentos que deverão ser apresentados é a certidão de nascimento do bebê e documentos de identificação pessoal da mãe.
  • Mamães com outros tipos de seguros: poderão pedir o auxílio maternidade no INSS 28 dias antes do nascimento do bebê. Nessa instância, os documentos solicitados é apenas o atestado médico. Caso o pedido venha a ser feito após o parto, basta apresentar a certidão de nascimento da criança.
Auxílio Maternidade

CONHEÇA O AUXÍLIO DOENÇA 

No caso das mães que estejam em processo de adoção, a solicitação, também poderá ser feita diretamente no INSS.  Os documentos necessários para este tipo de procedimento é o termo de guarda, ou ascite dão nova da criança.

No caso em que as mulheres trabalhadoras sofram um aborto não criminoso, estas deverão seguir os seguintes procedimentos.

  • Mulher que é funcionária de uma empresa X: o pedido de auxílio deve ser feito dentro da própria empresa. Na entrada, a solicitante precisará apresentar um atestado médico que ateste o aborto espontâneo.
  • Outras mulheres asseguradas: esta solicitação poderá ser feita  diretamente no INSS, após confirmado o aborto. Os documentos exigidos neste tipo de instância é o atestado médico que aponte a existência do aborto.

Quem paga pelo auxílio maternidade?

Geralmente os responsáveis pelo pagamento do auxílio maternidade são as próprias empresas onde a mulher trabalhadora está exercendo atividade laboral. Mas, dependendo da instância, pode ser que todo o encaminhamento seja feito diretamente no INSS. Informe-se a respeito. 

Você poderá gostar de ler também o artigo: Seguro de vida – Veja o que é e como solicitar!

Valor pago pelo auxílio

Os valores que são pagos atualmente para o auxílio maternidade variam de acordo com a categoria de contribuição da mulher. Essas categorias podem ser:

Auxílio Maternidade
  • Categoria de empregada doméstica: neste caso, o valor pago será o valor correspondente ao último salário de contribuição.
  • Mulher segurada especial que é contribuinte individual: neste caso o valor pago é referente a um salário mínimo mensal. 
  • Mulher segurada que seja trabalhadora em regime de economia familiar: o valor pago será de um salário mínimo federal.
  • Mulher que é empregada e trabalhadora avulsa: o valor pago será o valor integral correspondente à remuneração mensal da mulher.

APRENDE A PEDIR O VOTO EM TRÂNSITO

Considerações finais

Não é uma tarefa simplificada acompanhar as regras e leis trabalhistas atuais, mas um auxílio como o maternidade faz a diferença na vida das mulheres trabalhadoras que precisam se ausentar em função de seus filhos.

É importante que você busque informar-se dentro da empresa que você trabalha,  conferindo como funciona a dinâmica de solicitação do auxílio maternidade, para que possa fazer tudo corretamente e garantir o recebimento do benefício em dia.

Agora gostaríamos de saber de você. Já conhecia todos esses detalhes sobre o auxílio maternidade? Existe alguma outra notícia sobre o universo trabalhista e previdenciário que você gostaria de saber? Deixe o seu feedback.

Conheça o autor do artigo:
Mônica
: Apaixonada pela escrita e pelas palavras. Escrevo para explorar ideias, compartilhar histórias e criar conexões. Meu objetivo é inspirar, informar e emocionar através das palavras.
veja todos os artigos
artigos relacionados Read also:
Stocks Stocks React Sharply to March Inflation Surge

On Wednesday, US stocks experienced a significant downturn following the release of inflation data for March. The Dow Jones Industrial Average closed down 422 points,…

Gen Z Gen Z: Challenges and Opportunities

The entry of Generation Z (Gen Z), born between the late 1990s and early 2010s, into the workforce has sparked discussions about the unique economic…

Special
The best cards of 2024 Conteúdo desenvolvido por especialistas em crédito
See the full list