Técnicas de pintura – Conheça as principais!

Técnicas de pintura. Fique sabendo que a pintura é considerada atualmente como uma das principais expressões da arte. Sua origem é remota, mas perpetua até os dias de hoje.

Parte desde a pré-história, quando houveram as pinturas rupestres, por exemplo. Elas são consideradas os primeiros registros de arte da humanidade. Os temas dessas artes geralmente eram caças, rituais, animais, episódios do cotidiano e também as crenças dos grupos locais.

Neste período, o homem utilizava-se de inúmeros materiais para o desenvolvimento da sua arte, tais como minerais diluídos em gordura, argila e também o carvão.

Com o transcorrer do tempo, também foram descobertos inúmeros outros tipos de pigmentações, abrindo possibilidade para que surgissem muitas outras técnicas de pintura. 

Se você quer saber ainda mais sobre o universo das artes com foco especial nas pinturas, confira o nosso conteúdo de hoje, pois iremos apresentar quais são as principais técnicas do momento.

Existe diferença entre desenho e pintura?

Muitas pessoas têm essa dúvida. Saiba que ambos se diferenciam em função dos materiais que são utilizados para o seu desenvolvimento.

Geralmente em um desenho são utilizados pigmentos secos, tais como os lápis, giz, lápis de cor, entre outros. No caso das pinturas, são utilizadas as pigmentações líquidas, tendo como principal recurso as tintas com as mais variadas texturas.

Mesmo assim, em muitas instâncias os artistas utilizam técnicas de desenho para fazer os rascunhos de suas pinturas. Então, podemos dizer que, apesar de serem técnicas distintas, elas podem aportar contribuições.

Entendendo a classificação das técnicas de pintura

Provavelmente você já se deu conta de que existe uma enorme diferença entre os estilos de pinturas e seus artistas. Tudo depende muito do período, época ou da própria personalidade do autor do trabalho.

Técnicas de pintura

É fato que cada artista possui seu estilo e essa variedade possui uma divisão por categorias que iremos apresentar para você. De qualquer modo, saiba que uma pintura pode ser de cunho abstrato ou figurativo.

CONHEÇA A TÉCNICA POMODORO

Pinturas figurativas

A pintura figurativa nada mais é do que aqueles elementos que existem no mundo real e que podem ser facilmente identificados por qualquer pessoa. Geralmente neste tipo de pintura aparecem animais, pessoas, objetos e paisagens. Inclusive, esse tipo de pintura é considerado um dos mais populares e que se mantém até hoje em dia.

O próprio quadro da Monalisa, do Da Vinci, por exemplo, é um exemplo de pintura figurativa, pois retrata uma mulher em uma paisagem. Outros exemplos famosos que podemos dar são a Capela Sistina de Michelangelo e as paisagens pintadas por Monet.

Pinturas abstratas

No caso das pinturas abstratas, elas se diferenciam das figurativas, tendo em vista que elas não vão representar elementos da natureza, mas sim linhas e cores de forma abstrata, ou seja, sem uma vinculação com o real. Esse tipo de pintura existe há muito tempo, mas ela ganhou mais força a partir do século XX.

Conhecendo as principais técnicas de pintura existentes

Já foi comentado neste post que a pintura é algo que existe desde os primórdios da humanidade. Ao longo dos séculos, inúmeras técnicas de pinturas foram lançadas.

Técnicas de pintura

DICAS PARA UMA MAQUIAGEM PERFEITA

Veja algumas delas a seguir:

  • Pintura em aquarela: este tipo de técnica de pintura é uma das mais fáceis para quem deseja iniciar no ramo. Nela são necessários apenas alguns tipos de pigmentações, poucos pincéis são usados. Também é preciso um pouco de água para misturar com a tinta usada. Na aquarela podemos fazer telas leves e com luminosidade.
  • Pinturas a óleo: nesta técnica são misturadas as pigmentações coloridas ao óleo de linhaça. Com isso, a tinta fica mais fácil de trabalhar, dando uma textura bonita às obras.
  • Telas a Guache: este tipo de pigmentação é de tom forte, e o acabamento da tela fica mais fosco e com opacidade. Nesta técnica é possível fazer a cobertura de qualquer fundo.
  • Pintura acrílica: Utilizado desde a década de 30, esse tipo de tinta é usada para a realização das pinturas que envolvem a mistura de alguns pigmentos com água e também, juntamente com resina acrílica. Essa é considerada uma das técnicas de pinturas mais recentes. Se formos comparar com as outras famosas que já mencionamos.  A Pop Arte é um bom exemplo de técnica com tinta acrílica. Onde suas tintas acrílicas são consideradas bastante versáteis nos dias de hoje e podem ser aplicadas em inúmeros tipos de superfície. Quando usarmos a tinta acrílica de forma crua, podemos obter um resultado parecido ao que já é obtido com a tinta óleo. Esse tipo de tinta também pode ser facilmente diluído com água.
  • Pintura em afresco: Essa técnica de pintura está entre as mais antigas. Para quem não sabe, o afresco é um tipo de pigmentação que pode ser diluído em água e aplicado em superfícies com argamassa, cal ou gesso. Um dos diferenciais desta pintura é que ela pode secar rapidamente.

E aí, você já conhecia essas técnicas de pintura? Você já pintou alguma tela antes? Deixe um comentário abaixo.

Você pode gostar de ler também o artigo: Dicas para uma maquiagem perfeita – Arrase por aí!

Conheça o autor do artigo:
Mônica
: Apaixonada pela escrita e pelas palavras. Escrevo para explorar ideias, compartilhar histórias e criar conexões. Meu objetivo é inspirar, informar e emocionar através das palavras.
veja todos os artigos
artigos relacionados Read also:
Stocks Stocks React Sharply to March Inflation Surge

On Wednesday, US stocks experienced a significant downturn following the release of inflation data for March. The Dow Jones Industrial Average closed down 422 points,…

Gen Z Gen Z: Challenges and Opportunities

The entry of Generation Z (Gen Z), born between the late 1990s and early 2010s, into the workforce has sparked discussions about the unique economic…

Special
The best cards of 2024 Conteúdo desenvolvido por especialistas em crédito
See the full list